Planejamento é o primeiro passo para quem pretende juntar dinheiro no ano que vem. Objetivos como comprar um imóvel, formar uma família ou realizar viagens exigem, quase sempre, algum sacrifício e muitas decisões financeiras. Algumas dicas para te ajudar na organização das metas para 2011.

Foco nas prioridades

Em todo e qualquer plano que necessite de financiamento, fuja do desperdício de dinheiro: faça um orçamento doméstico detalhado (no papel ou em uma planilha no computador, por exemplo) para saber o que sobra de dinheiro no fim do mês. Se não sobra, descubra o que dá para cortar: mantenha em mente o que é mais importante no momento.

Faça um orçamento doméstico detalhado para saber o que sobra de dinheiro no fim do mês. Se não sobra, descubra o que dá para cortar.

"Inclua pequenos gastos: idas ao café, presente de aniversário do colega de trabalho, tudo", diz o professor de finanças da Universidade de São Paulo, Rafael Paschoarelli. Sabendo o quanto você vai poder guardar, separe o dinheiro no dia em que ele cair na sua conta. "Dinheiro na mão é vendaval; R$ 1.000 sobrando no começo do mês viram quase nada no fim do mês", diz Paschoarelli.
Outro ponto importante: antes de começar a poupar, livre-se das dívidas. De acordo com o professor Mário Amigo, da fundação instituto de pesquisas contábeis atuariais e financeiras (Fipecafi), o saudável é não deixar que as dívidas ultrapassem 35% da renda mensal.

"Busque sanar dívidas com cartão, com cheque especial. Negocie com o banco, pesquise um crédito consignado, que tem juros mais baixos. Sempre tente renegociar a dívida que você tem procurando outras taxas com juros menores. Não deixe acumular", diz o professor da Fipecafi.

Casa própria
Comprar um imóvel é uma realização de longo prazo. Se esse é seu objetivo, é necessário um esforço concentrado: dinheiro de 13º salário, bônus, trabalhos esporádicos devem ser direcionados para juntar uma reserva razoável para a entrada. Seu carro dá muita despesa? Vale a pena vender, desde que você não vá financiar um novo na sequência a juros mais altos.

Lembre-se do conceito do sacrifício pelo objetivo maior: será que não vale ficar sem carro até conseguir pagar uma boa parte do imóvel?

Dá para planejar também o tipo de aplicação em que o dinheiro será guardado. Para o professor Paschoarelli, volumes de até R$ 10 mil devem ser guardados na poupança; a partir daí, o CDB pode ser uma boa opção.

Família e filhos

A melhor fórmula para casar e ter filhos sem problemas financeiros tem duas bases: preparação e diálogo. Há muitos detalhes que precisam ser discutidos pelo casal antes do enlace ou da decisão de aumentar a família. Como as despesas serão divididas? O casal vai ter conta conjunta? Que tipo de educação querem dar às crianças? Escola pública ou particular? O padrão de vida dos dois será mantido? Priorizarão os filhos acima de tudo?

Como as despesas serão divididas? O casal vai ter conta conjunta? Que tipo de educação querem dar às crianças? O padrão de vida dos dois será mantido?

"Tem que debater: o que queremos para os filhos? Do que podemos abrir mão? Se um gosta de viajar todo fim de semana, pode abrir mão? Se não topa, tem que encontrar outro ponto em que dá para ceder", explica o professor Sílvio Paixão, que estima um gasto médio de R$ 1.000 por mês para quem quer se preparar para o nascimento de uma criança. "Quanto mais velho fica o filho, mais crescem as despesas", diz.

Paschoarelli, da USP, diz que o dinheiro no casamento é preciso ser visto como um só.

"Quem é casado faz o orçamento conjunto. Se não quer juntar a conta, não é casal. Os sonhos devem ser comuns. Se o marido ganha R$ 1 mil e a esposa R$ 2 mil, não é para pensar no ganho de um e de outro: são R$ 3 mil para a família", diz.



OBS: Todas essas dicas são legais, mais com disse Jesus. ‘Não andeis anciosos..... Outra coisa, não poupe com medo de que algo lhe falte amanhã, (pois Ele cuida bem de você), essa não seria uma boa motivação. E pra terminar, inclua pessoas no seu orçamento.

2 Comentários - AQUI:

  • Muito boa a postagem! Aborda de forma genérica a adminstração de finanças e amplia os horizontes, sem deixar a dependência de Deus em primeiro lugar.

    Também achei muito construtivo a dica para investir em pessoas. Isso me sugere comunhão cristã.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentem pelo Facebook

Paninho do AMOR

Click e Confiram D+

Segue ai...

Curta no Facebook

Amigos do Blog

Postagens populares

Twittes

Google+ Followers

Blog que escrevo

Pesquisar este blog

Siga-me por Email

Marcadores

@provérbios (27) #pronto falei (304) #Provocações (283) #Word (55) Administração (58) Amor (296) Arte (270) Atitude (561) Bíblia (99) Boas notícias (118) Contra Cultura (165) cristianismo inteligente (546) Curiosidade (106) Dicas (49) Estudo (83) Familia (74) Fundamentos (313) GRAÇA (140) humor (87) Igreja (144) imagem que vale post (33) Juventude (61) Livros (17) Masculinidade (41) Missão integral (103) modelos (171) Nooma (8) Opinião (313) Oração (38) Polêmica (94) Politica (53) Protesto (138) Questionamentos (492) Recomendo (131) Relacionamento (285) relevante (335) Religião (69) Solidariedade (58) Teologia (169) Videos (386)

Blog Arquivos

Minha lista de blogs

Juliano Fabricio Ferreira. Tecnologia do Blogger.

Visão Mundial - Conheça

Visitantes

Contato:

Juliano Fabricio Ferreira

jucafe2@yahoo.com.br

Uberlândia - MG - 34 99149-5443

Networkedblogs - Siga

Recomendações