Hora do almoço... O evangelho pode ser resumido em uma frase: "este recebe pecadores e come com eles" (lc 15.2). Esta pequena frase condensa o sublime propósito e natureza da vinda de Cristo ao mundo: Ele veio salvar pecadores. Restaurar o perfeito relacionamento quebrado pelo pecado, trazer paz mediante Seu sangue, abrir acesso e re-ligar o homem a Deus em plenitude e paz.

Cristo andava sim com pecadores e não consigo imaginar um Cristo diferente. Ele os atraía na intenção de transformá-los. Sua prioridade era chamá-los ao arrependimento. Não se conformava em vê-los aprisionados ao pecado. Ele ia até eles. Ele estava no mundo, queria salvar o mundo, mas nunca pertenceu ao mundo. Isso é identidade e visão definida. Talvez o que falte para nossa geração de crentes que hoje, quando não é atraída a se assentar em roda de pecadores sem objetivo espiritual algum, transforma através de seus assuntos, postura, e falta de espiritualidade, qualquer roda em roda de escarnecedores (salmo 1).

Quando vejo Cristo sorrindo e tendo conversas informais, vejo um Cristo humano, alguém que não precise deixar de sorrir e falar do cotidiano para testemunhar. Sua vida emana algo superior. O olhar comunica verdade. Sua postura e seu relacionamento com Deus transcendem a carne que lhe serve de abrigo. É seu Espírito que traz constrangimento ao pecador, não seu semblante fechado em ar de superioridade e condenação. Ele era o evangelho e o evangelho é sempre boa notícia.

Nunca aconteceu com você? Ser identificado como seguidor Cristo num ambiente inverso aos seus valores sem ter dito uma só palavra sobre Ele?

Vivemos no tempo singular da história e o que acontece conosco? Para comer com pecadores na intenção de salvá-los é necessário que sua igreja promova um evento anual em nível sul americano e lhe forneça dvds e manuais passo-a-passo? Isso é a falta de identidade e visão.

Não consigo ver Cristo demorando-se em extensas comissões decidindo o vestuário das irmãs; se o jovem corta ou não o cabelo; se fulano ou ciclano pode participar do coral; não que Ele não veja importância nisso, mas não é sua prioridade. Ele precisa receber pecadores, precisa ir até eles. Ele não separa tempo para o periférico, é o Deus da salvação e precisa efetuá-la.

Antes de concordar comigo olhe para sua vida. O que você tem feito? Quais suas prioridades com Ele? Nulidade nunca foi aceita por Deus. Mude seu conceito de evangelismo baseado em ações exteriores e planejadas por terceiros. Seja o evangelho para alguém. Permita Cristo imprimir em seu caráter a identidade e visão que traz sentido a isso tudo. Permita-se ser transformado e habitado pelo Deus que recebe pecadores. O resto é e sempre será conseqüência.

Bom apetite e aguarde o jantar. Você tem esse tipo de fome?

Adaptado por Juliano Fabricio VIA (Foto: Michael Belk)

0 Comentários - AQUI:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentem pelo Facebook

Paninho do AMOR

Click e Confiram D+

Segue ai...

Curta no Facebook

Amigos do Blog

Postagens populares

Twittes

Google+ Followers

Blog que escrevo

Pesquisar este blog

Siga-me por Email

Marcadores

@provérbios (27) #pronto falei (304) #Provocações (283) #Word (55) Administração (58) Amor (296) Arte (270) Atitude (561) Bíblia (99) Boas notícias (118) Contra Cultura (165) cristianismo inteligente (546) Curiosidade (106) Dicas (49) Estudo (83) Familia (74) Fundamentos (313) GRAÇA (140) humor (87) Igreja (144) imagem que vale post (33) Juventude (61) Livros (17) Masculinidade (41) Missão integral (103) modelos (171) Nooma (8) Opinião (313) Oração (38) Polêmica (94) Politica (53) Protesto (138) Questionamentos (492) Recomendo (131) Relacionamento (285) relevante (335) Religião (69) Solidariedade (58) Teologia (169) Videos (386)

Blog Arquivos

Minha lista de blogs

Juliano Fabricio Ferreira. Tecnologia do Blogger.

Visão Mundial - Conheça

Visitantes

Contato:

Juliano Fabricio Ferreira

jucafe2@yahoo.com.br

Uberlândia - MG - 34 99149-5443

Networkedblogs - Siga

Recomendações