No “livro mais mal humorado da bíblia”, do Ed René Kivitz fui invadido por um pensamento: UFA!!! Ainda é possível viver com Deus…de verdade!

Nos dias em que vivemos acabamos encontrando tantos “porta-vozes” de Deus que estar confundido passa a ser coisa do cotidiano, a igreja X acha que Deus é só uma fonte de dinheiro (ainda exige seu “posto” de herdeiro), a outra fala mais do diabo do que de Deus, aquela outra só consome o que é gospel, mas vive uma hipocrisia endêmica, e aquela ali já virou uma comunidade de arcanjos e só se comunicam através de línguas… em meio a tantas e tantas vozes muitas vezes me pego cansada de tudo e só quero me enclausurar com minhas próprias idéias e decepções, abraçar a bíblia e perguntar: onde foi que tudo se perdeu?

Contudo, (graças a Deus) tenho descoberto todos os dias pequenas vozes “que clamam no deserto” cristão, vozes que falam do evangelho puro e simples, a verdade de verdade, que não pertence ao pastor-arcanjo A, nem ao missionário-apostolo-quase-arrebatado B, muito menos ao pregador-super-rico C; o evangelho que vive, respira, traduz, transcende, inspira, expira, contagia, e pulsa Jesus; a incrível possibilidade de viver um evangelho assim alem das amarras viciantes das igrejas e instituições; a aventura de viver uma vida onde o alvo ainda é cuidar das viúvas e dos órfãos, amar ao próximo como a si mesmo, oferecer a outra face ao inimigo, entregar tudo (inclusive as riquezas), ser humilde de espírito, amar a Deus com todas as forças, com o corpo, com alma e principalmente: com o entendimento!

Sim, ainda é possível viver com Deus de verdade, ainda é possível viver o culto racional, transformar a mente todos os dias, experimentar a graça, o perdão, e a liberdade, ainda é possível viver igreja, uma família sem falsidade, hipocrisia, partidarismo, viver adorando a Deus sem dicotomia, com o corpo, com o espírito, no trabalho, na faculdade, na igreja, nos relacionamentos, no cotidiano (até no trânsito!)

“Deus não é o oposto das coisas. Ele é o pleno sentido de todas elas!” (KIVITZ, 2009, p 53)

Se o Ed Kivitz conseguiu ver a Verdade até no livro mais mal humorado da bíblia, imagina o que aconteceria se buscássemos viver essa Verdade 24 horas do dia….

Juliano Fabricio via

0 Comentários - AQUI:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentem pelo Facebook

Paninho do AMOR

Click e Confiram D+

Segue ai...

Curta no Facebook

Amigos do Blog

Postagens populares

Twittes

Google+ Followers

Blog que escrevo

Pesquisar este blog

Siga-me por Email

Marcadores

@provérbios (27) #pronto falei (304) #Provocações (283) #Word (55) Administração (58) Amor (296) Arte (270) Atitude (561) Bíblia (99) Boas notícias (118) Contra Cultura (165) cristianismo inteligente (546) Curiosidade (106) Dicas (49) Estudo (83) Familia (74) Fundamentos (313) GRAÇA (140) humor (87) Igreja (144) imagem que vale post (33) Juventude (61) Livros (17) Masculinidade (41) Missão integral (103) modelos (171) Nooma (8) Opinião (313) Oração (38) Polêmica (94) Politica (53) Protesto (138) Questionamentos (492) Recomendo (131) Relacionamento (285) relevante (335) Religião (69) Solidariedade (58) Teologia (169) Videos (386)

Blog Arquivos

Minha lista de blogs

Juliano Fabricio Ferreira. Tecnologia do Blogger.

Visão Mundial - Conheça

Visitantes

Contato:

Juliano Fabricio Ferreira

jucafe2@yahoo.com.br

Uberlândia - MG - 34 99149-5443

Networkedblogs - Siga

Recomendações