Me deparei com o seguinte texto: 

“O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. Porquanto rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos.” (Oséias 4:6) 

Conhecimento! As Escrituras estão repletas de passagens sobre a importância do conhecimento de Deus para que nossa vida seja impactada e transformada por Cristo. A falta do conhecimento traz uma dicotomia tão vista atualmente: a inconsistência entre a crença e a prática. Quando vemos cristãos que não praticam o que aparentemente acreditam, pensamos se tratar de falta de vontade ou de sinceridade, mas, na realidade, a questão é se as escolhas e vontades estão enraizadas no conhecimento ou na falta dele. Parece que a importância do conhecimento tem ficado relegada ao segundo plano. Vemos mestres cristãos usando de vários artifícios para atrair e seduzir pessoas para a Igreja, artifícios voltados para o sentimento, para tradições, para a força de vontade e para o compromisso cego. O conhecimento deixa de ser requisito fundamental para a fé. 

É uma pena! A fé deve ser alicerçada em conhecimento! No entanto, vivemos uma época de grande alienação religiosa. “Preciso de buscar grande conhecimento na minha área – mestrado, doutorado, cursos. Quanto a minha fé, deixa que ela será alimentada por uma boa música, um bom louvor e uma boa pregação.” É nesse momento que a preguiça intelectual toma conta do meio cristão. Passamos a viver de jargões religiosos que não se sustentam em nenhum papo mais profundo ou nos retiramos de conversas sadias por conta de vergonha ou despreparo. Mas Juliano, você está sendo duro! As pessoas precisam de tempo para conhecer! Concordo, mas estou falando de cristãos de mais de 10 anos de vida cristã, que ainda é dependente do “leite espiritual”. 

O que você tem feito, hoje, para que o conhecimento fundamente sua vida? 

Vejo muitos cristãos destruindo suas vidas por rejeitarem o conhecimento. Vejo muitos cristãos preguiçosos, que não investem na sua fé através do conhecimento! Em contrapartida, as pessoas mais equilibradas e piedosas que conheço tem forte conhecimento sobre o Deus que se revela! 

Termino com um pequeno texto do C.S. Lewis sobre o tema: 

“Deus tem espaço para pessoas com muito pouco bom-senso, mas ele quer que todos usem o bom-senso que tiverem. (…) Deus não é apreciador de preguiçosos intelectuais mais do que qualquer outro preguiçoso. Se você está pensando em se tornar um cristão, eu o advirto de que está embarcando em algo que irá demandar você por inteiro, cérebro e tudo o mais…” 

Adaptado por Juliano Fabricio via: novas fronteiras

1 Comentários - AQUI:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentem pelo Facebook

Paninho do AMOR

Click e Confiram D+

Segue ai...

Curta no Facebook

Amigos do Blog

Postagens populares

Twittes

Google+ Followers

Blog que escrevo

Pesquisar este blog

Siga-me por Email

Marcadores

@provérbios (27) #pronto falei (304) #Provocações (283) #Word (55) Administração (58) Amor (296) Arte (270) Atitude (561) Bíblia (99) Boas notícias (118) Contra Cultura (165) cristianismo inteligente (546) Curiosidade (106) Dicas (49) Estudo (83) Familia (74) Fundamentos (313) GRAÇA (140) humor (87) Igreja (144) imagem que vale post (33) Juventude (61) Livros (17) Masculinidade (41) Missão integral (103) modelos (171) Nooma (8) Opinião (313) Oração (38) Polêmica (94) Politica (53) Protesto (138) Questionamentos (492) Recomendo (131) Relacionamento (285) relevante (335) Religião (69) Solidariedade (58) Teologia (169) Videos (386)

Blog Arquivos

Minha lista de blogs

Juliano Fabricio Ferreira. Tecnologia do Blogger.

Visão Mundial - Conheça

Visitantes

Contato:

Juliano Fabricio Ferreira

jucafe2@yahoo.com.br

Uberlândia - MG - 34 99149-5443

Networkedblogs - Siga

Recomendações