“Um outro mundo é possível!” Esta frase sintetiza o ideal de pessoas como Gandhi, Madre Teresa de Calcutá, Martin Luther King, John Lennon e outros. Mesmo alguém como Che Guevara, a quem se atribui tantos crimes praticados na guerrilha, acreditava piamente em seu ideal, e por ele se dispunha a morrer. Por isso, fiz questão de inclui-lo em minha pequena lista de ícones idealistas do último século. Apesar de confessarem credos diferentes, ou de atuarem em frentes diversas, ou utilizarem métodos questionáveis, o que essas pessoas tinham em comum era o idealismo, ítem cada vez mais raro em nossos dias.

Não compro pacotes fechados! Posso admirar e até inspirar-me no idealismo de alguém, sem com isso abraçar sua ideologia. Posso compartilhar de seus sonhos, sem comprometer-me com seus métodos. Posso almejar atingir seus alvos, sem sentir-me obrigado a percorrer seu caminho.

Alguns podem protestar pelo fato de incluir pessoas de outras religiões em minha lista. O que diriam de Paulo, que em sua pregação no Areópago de Atenas, citou filósofos gregos pagãos?

Será que jamais ouviram falar de “graça comum”?

Posso reconhecê-la no brilho do olhar de um jovem idealista, ainda que este se pronuncie ateu. Posso reconhecê-la nas linhas harmônicas das obras arquitetônicas de Niemeyer, outro célebre idealista ateu. Se tão-somente nos livrássemos de nosso preconceito, quanto da graça não identificaríamos naqueles que sonham e trabalham por um mundo diferente! Mas em vez disso, preferimos o gueto, o evangeliquêsinsosso, a espiritualidade alienante e entorpecente. Por favor, não se sintam agredidos. Se sou pesado em palavras é porque almejo despertar sua consciência.

E quanto àqueles a quem consideramos os ícones do que chamamos de sucesso? Uns começaram de baixo, e alcançaram posições tão sonhadas por muitos de nós, pobres mortais. Outros, como Paris Hilton, são herdeiros de enormes fortunas. Conquanto tenham origens diferentes, têm em comum o fato de haverem perseguido e realizado seus sonhos pessoais. Algum demérito nisso? Não! O problema é que a maioria deles tem a oportunidade de mudar o mundo, mas não a aproveita, simplesmente porque seu sucesso depende das coisas como elas são. É aquela velha estória: em terra de cego, quem tem um olho é rei.

Quem, neste mundo, chega a ser um bilionário sem ter que transigir com alguns princípios?

É verdade que alguns deles, como Bill Gates, por exemplo, são filantropos, isto é, distribuem parte de sua fortuna para obras de caridade em todo o mundo. Palmas para ele! Porém, o que o mundo precisa não é meramente de filantropia, e sim de justiça. O mesmo Bill Gates já comprou muitas pequenas empresas de software, para coibir a concorrência. Não foi em vão que Paulo denunciou a possibilidade de se distribuir bens para os pobres, sem necessariamente ser motivado por amor. Muitos bilionários o fazem pra aumentar a credibilidade de suas marcas junto a opinião pública. Não posso afirmar ser este o caso do dono da Microsoft, mas certamente é o caso de inúmeros outros.

Se você tivesse a oportunidade de associar sua imagem a um destes grupos, em qual deles você se sentiria mais confortável? Talvez você preferisse ter sua foto vinculada a figuras como Billy Graham, ou Mandela, não por acreditar no mesmo idealismo que os motivava, mas por querer ficar bem na fita. Lembre-se que Deus não julgará apenas nossas ações, mas também nossas motivações.

Sinceramente, quem não gostaria de ter seu rosto figurando naquele panteão de pessoas famosas e bem-sucedidas? Será que vale a pena viver por isso?

O evangelho da prosperidade insiste que sim. Para seus defensores, o importante é ter, mesmo que em detrimento do ser.

Na concepção do mundo, sucesso é concentrar riquezas e ser reconhecido por aquilo que faz. Porém, na concepção genuinamente cristã, sucesso é fazer de sua vida um motivo de gratidão a Deus por parte daqueles que se beneficiam dela.

Aos olhos de Deus, bem-sucedido é quem vive em função do bem-comum, e não de seus próprios sonhos de consumo.

Qualquer um dos que figuram na lista de celebridades, caso se encontrasse com Jesus, ouviria d’Ele o mesmo que o jovem rico ouviu: “Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu. Então vem, e segue-me” (Mt.19:21). Será que algum dentre eles se habilitaria? E você? 

Na há mensagem mais subversiva do que a pregada por Aquele jovem Galileu revolucionário de cabelos cumpridos. Quem ousa vivê-la às últimas consequências?

Chega deste lixo de teologia da prosperidade! Chega deste desevangelho medíocre, que só faz estimular nas pessoas o pior que há em sua natureza. Que nossos ícones sejam outros, em vez daqueles oferecidos pelo capitalismo selvagem. Que nos inspiremos em homens como Francisco de Assis, que peitou o Papa e o desafiou a voltar à simplicidade do Evangelho. Ou em homens como Dietrich Bonhoeffer, o ministro alemão que resistiu ao nazismo de Hitler, pagando com sua própria vida.

Lembre-se que os discípulos de Jesus foram reconhecidos originalmente como aqueles que estavam colocando o mundo de pernas pro ar.

Rompa com o sistema! Não seja mais uma engrenagem dele. Sabote-o! Torne-se num discípulo subversivo de alta periculosidade. Denuncie o erro. Encarne a mensagem. Aponte o caminho para as próximas gerações.

Longa vida à revolução reinista!


0 Comentários - AQUI:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentem pelo Facebook

Paninho do AMOR

Click e Confiram D+

Segue ai...

Curta no Facebook

Amigos do Blog

Postagens populares

Twittes

Google+ Followers

Blog que escrevo

Pesquisar este blog

Siga-me por Email

Marcadores

@provérbios (27) #pronto falei (304) #Provocações (283) #Word (55) Administração (58) Amor (298) Arte (270) Atitude (561) Bíblia (99) Boas notícias (118) Contra Cultura (165) cristianismo inteligente (546) Curiosidade (106) Dicas (49) Estudo (83) Familia (76) Fundamentos (313) GRAÇA (140) humor (87) Igreja (144) imagem que vale post (33) Juventude (61) Livros (17) Masculinidade (42) Missão integral (103) modelos (171) Nooma (8) Opinião (313) Oração (38) Polêmica (94) Politica (53) Protesto (138) Questionamentos (492) Recomendo (131) Relacionamento (287) relevante (335) Religião (69) Solidariedade (58) Teologia (169) Videos (386)

Blog Arquivos

Minha lista de blogs

Juliano Fabricio Ferreira. Tecnologia do Blogger.

Visão Mundial - Conheça

Visitantes

Contato:

Juliano Fabricio Ferreira

jucafe2@yahoo.com.br

Uberlândia - MG - 34 99149-5443

Networkedblogs - Siga

Recomendações