...alguns amigos abandonaram a igreja, alguns cumprem com um certo sorriso amarelo as regras impostas por um tempo e outros aprenderam a fingir, vivendo uma vida dupla.

Porem quando olho para a vida de Jesus, um fato sempre me surpreende: o grupo que deixou Jesus mais irado foi o grupo com o qual, pelo menos externamente, Ele mais se identificava. Os mestres concordam que Jesus tinha o perfil rigoroso de um fariseu. Obedecia à Tora, citava os fariseus famosos e, com frequência, concordava com eles em argumentos públicos. 

Jesus, porém, dirigiu aos fariseus os seus mais fortes ataques. 

"Serpentes, raça de víboras! Hipócritas! Condutores cegos! Sepulcros caiados!", era assim que Cristo os chamava. 

E é assim que infelizmente tenho visto muitos amigos se tornarem.

O que esses amigos precisam entender é que essa tal maturidade espiritual não está ligada ao quanto você está "puro", mas, sim, a conscientização de sua impureza

Como disse o Ed René: A vida como nós queríamos X a vida como ela é!!!

Nouwen confessa isso de uma forma corajosa:

Eu sei, na minha própria vida, com que diligência tenho tentado ser bom, aceitável, agradável e exemplo digno para os outros. Sempre houve o esforço consciente de fugir dos abismos do pecado e o constante temor de cair em tentação. Mas com tudo isso havia uma seriedade, uma intensidade moralista — e até mesmo um toque de fanatismo — que tornava cada vez mais difícil sentir-me à vontade com DEUS. Tornei-me menos livre, menos espontâneo, menos brincalhão...

Enfim... preferem essa vida de legalismo, pois sabem que a liberdade em Cristo é um caminho muito difícil. (Explico)

é relativamente fácil deixar de matar, mas é difícil amar; 
é fácil evitar a cama do vizinho, mas é difícil manter um casamento vivo;
é fácil pagar impostos, mas é difícil servir aos pobres. 

Quando vivo em liberdade, tenho de me manter aberto ao Espírito Santo para receber sua orientação. Estou mais consciente em relação ao que tenho negligenciado do que a respeito do que tenho realizado. Não posso esconder-me por trás de uma máscara de comportamento, como os hipócritas fazem, nem posso esconder-me por trás de comparações fáceis com outros cristãos.

Juliano Fabricio

0 Comentários - AQUI:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentem pelo Facebook

Paninho do AMOR

Click e Confiram D+

Segue ai...

Curta no Facebook

Amigos do Blog

Postagens populares

Twittes

Google+ Followers

Blog que escrevo

Pesquisar este blog

Siga-me por Email

Marcadores

@provérbios (27) #pronto falei (304) #Provocações (283) #Word (55) Administração (58) Amor (298) Arte (270) Atitude (561) Bíblia (99) Boas notícias (118) Contra Cultura (165) cristianismo inteligente (546) Curiosidade (106) Dicas (49) Estudo (83) Familia (76) Fundamentos (313) GRAÇA (140) humor (87) Igreja (144) imagem que vale post (33) Juventude (61) Livros (17) Masculinidade (42) Missão integral (103) modelos (171) Nooma (8) Opinião (313) Oração (38) Polêmica (94) Politica (53) Protesto (138) Questionamentos (492) Recomendo (131) Relacionamento (287) relevante (335) Religião (69) Solidariedade (58) Teologia (169) Videos (386)

Blog Arquivos

Minha lista de blogs

Juliano Fabricio Ferreira. Tecnologia do Blogger.

Visão Mundial - Conheça

Visitantes

Contato:

Juliano Fabricio Ferreira

jucafe2@yahoo.com.br

Uberlândia - MG - 34 99149-5443

Networkedblogs - Siga

Recomendações