Vamos começar esse texto com 2 fatos.

- Pessoas decepcionam.
- Você decepciona pessoas.

Se atentássemos para esses fatos, a maioria dos nossos problemas com as outras pessoas seriam enfrentados de forma mais equilibrada e resolvidos em menor tempo. Mas parece que às vezes gostamos de cultivar aquele rancor. Aparentemente preferimos mexer (e machucar mais ainda) no nosso orgulho ferido, em vez de buscar a cura dele. Negamos o perdão, para quem sabe, de alguma forma fazer com que o outro sofra e pague pelo mal que nos fez.

Mas e ai? De que adianta? O que isso acrescente de crescimento e de bom na nossa caminhada?

Somos seres essencialmente relacionais, tanto que o isolamento gera sempre algum desequilíbrio em menor ou maior grau. E justamente por sermos relacionais, é que vamos nos decepcionar com as pessoas e as pessoas com a gente. Em uma análise mais profunda, a decepção tem mais a ver com as expectativas cridas em relação a uma pessoa ou a um grupo de pessoas, do que realmente com o que essa pessoa ou pessoas fizeram. É um problema de mão dupla, mas que depende pelo menos do posicionamento correto de apenas uma parte, pois "Se for possível, quanto estiver em vós, esteja paz com todos as pessoas." Romanos 12:18

Jesus teve dois amigos que o “decepcionaram”.

Um foi Pedro que o negou e outro foi Judas que o traiu. 

E qual foi a reação de Jesus? Ele ficou disponível aos dois, mas enquanto um voltou atrás e se desculpou, o outro não teve a mesma atitude e se suicidou. Não estou querendo ser dramático e dizer que isso pode acontecer literalmente na sua vida, mas o princípio é o mesmo. As pessoas quando te decepcionam, te machucam ou te traem, podem fazer apenas duas coisas, ou se arrependem e te pedem perdão, ou elas vão morrendo diariamente envenenas pelo rancor. O mesmo processo serve para você também, quando decepciona, machuca ou trai alguém.

O segredo é sempre estar disposto a perdoar, e perdoar não é esquecer (até por que perdão não causa amnésia), perdoar é soltar as correntes de rancor do seu coração e deixar quem te machucou/decepcionou livre, e automaticamente libertar-se.

Então, não o retenha o perdão,
não afaste o próximo,
não se perca de você,
não deixe de viver. 


0 Comentários - AQUI:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentem pelo Facebook

Paninho do AMOR

Click e Confiram D+

Segue ai...

Curta no Facebook

Amigos do Blog

Postagens populares

Twittes

Google+ Followers

Blog que escrevo

Pesquisar este blog

Siga-me por Email

Marcadores

@provérbios (27) #pronto falei (304) #Provocações (283) #Word (55) Administração (58) Amor (296) Arte (270) Atitude (561) Bíblia (99) Boas notícias (118) Contra Cultura (165) cristianismo inteligente (546) Curiosidade (106) Dicas (49) Estudo (83) Familia (74) Fundamentos (313) GRAÇA (140) humor (87) Igreja (144) imagem que vale post (33) Juventude (61) Livros (17) Masculinidade (41) Missão integral (103) modelos (171) Nooma (8) Opinião (313) Oração (38) Polêmica (94) Politica (53) Protesto (138) Questionamentos (492) Recomendo (131) Relacionamento (285) relevante (335) Religião (69) Solidariedade (58) Teologia (169) Videos (386)

Blog Arquivos

Minha lista de blogs

Juliano Fabricio Ferreira. Tecnologia do Blogger.

Visão Mundial - Conheça

Visitantes

Contato:

Juliano Fabricio Ferreira

jucafe2@yahoo.com.br

Uberlândia - MG - 34 99149-5443

Networkedblogs - Siga

Recomendações