Este bebê, nascido há poucos dias, Veio para esvaziar o aprisco de Satanás. Todo o inferno estremeceu em sua presença, Embora ele mesmo trema de frio. – Robert Southwell 

#nascimento

No máximo um pequeno grupo de pastores testemunhou o drama da noite do nascimento.

Pense nisto: A Encarnação, que dividiu a história em duas partes (fato que até nosso calendário reconhece, ainda que de má vontade), teve mais testemunhas animais do que humanas.

Houve, na verdade, um murmúrio de uma "boa catástrofe", uma explosão súbita de grandiosidade. O Universo não poderia permitir que a visita chegasse sem ser anunciada e, por um instante, o céu se iluminou em face da presença dos anjos. Um vislumbre. Ainda assim, quem a viu? Camponeses analfabetos que não deixaram nem ao menos o registro de seu nome.

#morte

O Calvário foi menos espetacular aos olhos. Ali, o milagre não estava no que aconteceu, mas no que deixou de acontecer. O ritual horroroso de violência prosseguiu sem qualquer interferência. Os anjos permaneceram afastados naquele dia, detidos pelo próprio Filho de Deus. Até mesmo o Pai voltou as costas, ou pelo menos parece que foi assim. Ele, também, permitiu que a história seguisse seu curso, deixou que tudo que havia de errado no mundo triunfasse sobre o que era certo.

"Salvou os outros; a si mesmo se salve", zombavam as pessoas. Desta vez, neste momento público, quando Deus parecia estar totalmente desamparado, as câmaras da história filmavam, registrando tudo. Grande multidão assistiu a cada detalhe do julgamento, veredicto, crucificação e morte. Ninguém poderia argumentar que Jesus não morreu.

#depois da morte

No momento em que ocorreu o Milagre dos Milagres, apenas duas testemunhas estavam presentes: guardas romanos rudes, os homens esquecidos da Páscoa. Eles, e ninguém mais, presenciaram com olhos humanos a cena assombrosa do impossível feito possível. Ao mostrar um reflexo humano incurável, imediatamente correram a informar o tumulto às autoridades.

Mais tarde, naquele mesmo dia, a ressurreição lhes parecia enevoada e remota, muitíssimo menos significativa do que, digamos, a pilha de moedas de prata que colocaram diante deles.

Quando Cristo desmascarou os poderes e as autoridades nos quais homens e mulheres apostam a própria vida, o espetáculo foi público. A religião mais avançada daqueles dias considerou–o culpado, e o governo mais avançado cumpriu a sentença. O grande plano, cultivado desde o Éden, foi cumprido em nome da piedade, da justiça e da lei. Cristo triunfou, desmascarando esses poderes e autoridades, mostrando que são falsos deuses que jamais poderão manter suas promessas.

A crucificação colocou os seguidores de Cristo, para sempre, contra os poderes deste mundo. [...como deveríamos entender melhor isso...]

Enfim... todos esses fatos proporcionaram apenas motivos suficientes para aqueles que, como os discípulos, escolheram crer. Mas também forneceram razões suficientes para os que, como os guardas romanos, preferiram duvidar. Isto não mudou, desde o tempo de Jesus até hoje.

Hoje entendo melhor quando o Ariovaldo Ramos disse: “a bíblia é um livro para criança”.

Juliano Fabricio 
Intrigado com a história desse menino.

0 Comentários - AQUI:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentem pelo Facebook

Paninho do AMOR

Click e Confiram D+

Segue ai...

Curta no Facebook

Amigos do Blog

Postagens populares

Twittes

Google+ Followers

Blog que escrevo

Pesquisar este blog

Siga-me por Email

Marcadores

@provérbios (27) #pronto falei (304) #Provocações (283) #Word (55) Administração (58) Amor (296) Arte (270) Atitude (561) Bíblia (99) Boas notícias (118) Contra Cultura (165) cristianismo inteligente (546) Curiosidade (106) Dicas (49) Estudo (83) Familia (74) Fundamentos (313) GRAÇA (140) humor (87) Igreja (144) imagem que vale post (33) Juventude (61) Livros (17) Masculinidade (41) Missão integral (103) modelos (171) Nooma (8) Opinião (313) Oração (38) Polêmica (94) Politica (53) Protesto (138) Questionamentos (492) Recomendo (131) Relacionamento (285) relevante (335) Religião (69) Solidariedade (58) Teologia (169) Videos (386)

Blog Arquivos

Minha lista de blogs

Juliano Fabricio Ferreira. Tecnologia do Blogger.

Visão Mundial - Conheça

Visitantes

Contato:

Juliano Fabricio Ferreira

jucafe2@yahoo.com.br

Uberlândia - MG - 34 99149-5443

Networkedblogs - Siga

Recomendações