Cuidado!!!

Apesar de aparentemente termos escapado do 1984 de George Orwell, ainda estamos correndo grande perigo com o Admirável Mundo Novo, de Huxley. As pessoas normalmente confundem os dois livros, mas eles apresentam visões bem diferentes do futuro.

Orwell fez uma advertência contra um inimigo externo que se vale da violência e da propaganda para impor sua vontade — algo semelhante ao comunismo ou nazismo, e George Orwell conhecia bem a ambos. 

Em contraste, Huxley fez advertências contra um inimigo mais sutil que vem de dentro. As pessoas alegremente trocariam sua liberdade e autonomia por uma tecnologia que promete conforto, segurança e divertimento, predisse ele. Os vilões de Orwell usavam uma máquina que causa dor para forçar seus decretos; os vilões de Huxley se valeram do prazer. O regime de Orwell baniu os livros; na fantasia de Huxley, os livros são abundantes, mas ninguém quer lê-los.

Uma vez que 1984 chegou e foi embora e sua ameaça retrocede rapidamente, talvez seja a hora de atualizar o pesadelo gentil de Huxley. Como seria uma "Admirável Sociedade Nova"?

***Eis o que vejo e quase ninguém vê***:

Esperamos tudo e qualquer coisa.

Esperamos o contraditório e o impossível. 

Esperamos carros compactos que sejam espaçosos; carros luxuosos que sejam econômicos. 

Esperamos ser ricos e caridosos, poderosos e misericordiosos, ativos e reflexivos, gentis e competitivos. 

Esperamos ficar inspirados com apelos medíocres a favor da "excelência", a fim de nos tornemos alfabetizados por apelos analfabetos a favor da alfabetização.

Esperamos comer e permanecer magros, estar constantemente nos mudando e cada vez mais próximos da vizinhança, ir à "igreja de sua escolha" e sentir sua força guiadora sobre nós, reverenciar Deus e ser Deus.

Nunca as pessoas dominaram mais seu ambiente. Mas nunca um povo se sentiu mais enganado e decepcionado.

Ah, Admirável Mundo Novo! Lembrando que a essa "cultura moderna", também se refere a algo que cresce em um meio artificial, igual um vírus.

*Distopia: Distopia ou antiutopia é o pensamento, a filosofia ou o processo discursivo baseado numa ficção cujo valor representa a antítese da utopia ou promove a vivência em uma "utopia negativa". As distopias são geralmente caracterizadas pelo totalitarismo, autoritarismo, por opressivo controle da sociedade. Nelas, "caem as cortinas", e a sociedade mostra-se corruptível; as normas criadas para o bem comum mostram-se flexíveis. A tecnologia é usada como ferramenta de controle, seja do Estado, seja de instituições ou mesmo de corporações.

Juliano Fabricio
Pirando a cabeça 
com Orwell e Huxley
[Ps: leiam esses clássicos]

0 Comentários - AQUI:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentem pelo Facebook

Paninho do AMOR

Click e Confiram D+

Segue ai...

Curta no Facebook

Amigos do Blog

Postagens populares

Twittes

Google+ Followers

Blog que escrevo

Pesquisar este blog

Siga-me por Email

Marcadores

@provérbios (27) #pronto falei (304) #Provocações (283) #Word (55) Administração (58) Amor (298) Arte (270) Atitude (561) Bíblia (99) Boas notícias (118) Contra Cultura (165) cristianismo inteligente (546) Curiosidade (106) Dicas (49) Estudo (83) Familia (76) Fundamentos (313) GRAÇA (140) humor (87) Igreja (144) imagem que vale post (33) Juventude (61) Livros (17) Masculinidade (42) Missão integral (103) modelos (171) Nooma (8) Opinião (313) Oração (38) Polêmica (94) Politica (53) Protesto (138) Questionamentos (492) Recomendo (131) Relacionamento (287) relevante (335) Religião (69) Solidariedade (58) Teologia (169) Videos (386)

Blog Arquivos

Minha lista de blogs

Juliano Fabricio Ferreira. Tecnologia do Blogger.

Visão Mundial - Conheça

Visitantes

Contato:

Juliano Fabricio Ferreira

jucafe2@yahoo.com.br

Uberlândia - MG - 34 99149-5443

Networkedblogs - Siga

Recomendações