Eu tenho 3 filhos, para desespero de muitos.

As pessoas se espantam quando descobrem que são menos de 4 anos entre a Sophia, o José Miguel e a Maria Flor (nossa petinha). Às vezes as pessoas se entristecem por nós, principalmente porque  já tínhamos um casal de filhos, o que poderia significar uma família completa para muitos. Mas não para nós. Estávamos abertos aos filhos e Deus nos mandou nosso terceiro filho, que é a mais sortuda de todos. Explico.

A Maria Flor, é a morte da descrença, do medo, da inércia, do pessimismo. Ela nasceu para a gente se despedir do controle, pois ter 3 filhos para a maioria é perder o controle. E para nós perder o controle é viver em paz. 

Ela tem a melhor irmã mais velha que alguém poderia ter, A Sophia. Tem o José Miguel que é o melhor abraço que um dia ela recebeu. Isso sem contar a Vanessa que venhamos e convenhamos é tudo de bom. TOP!!!!!! (ela detesta essa palavra. kkkk)

Juntos, todos, aqui em casa, se curtindo, desenharam a razão das nossas vidas.

Sabe nunca existirá em tempo algum uma medida para o amor que sinto por ela, ou para o sentimento de extrema realização que enche minha alma toda vez que há olho. É inimaginável definir em palavras o orgulho e prazer que tenho em cada um dos teus sorrisos, em cada som que pronuncia, em cada um dos teus gestos e em todas as descobertas que pude acompanhar. 

A vida se transformou depois que a Maria Flor nasceu e o trabalho triplicou, mas a felicidade quadruplicou. E a cada dia me esforço pra ser um homem melhor, uma pessoa melhor e um pai melhor...dia após dia. Hoje sou mais paciente, mais tolerante, relevo mais as coisas, enxergo tudo por outros ângulos - sempre melhores, vejo o mundo com cores e cheiros diferentes e pode apostar que você é um das responsáveis por essa mudança. 

Resumindo a nosso pequena Maria Flor.... 


Ela entrou na família como o terceiro filho deveria entrar: de mansinho, encontrando seu espaço, sem ser o centro das atenções; entrou já fazendo parte de um todo, se adaptando à vida agitada que a casa já tem. A vida pode até parar quando nasce o primeiro filho, e ter uma leve pausa quando nasce o segundo… mas quando nasce o terceiro, nada para!!

Como você está crescendo. As suas descobertas foram tantas, seus passos – ora largos, ora pequeninos – foram tão importantes, que só posso encher um balão de orgulho no meu peito em poder dizer: minha filha. 

Quando vejo sua liberdade junto com os seus irmãos, isso para mim é um alívio. 

Alívio, essa forma nobre de felicidade. Estou aliviado por vê-la assim, crescente, livre. 

Liberdade a gente planta por dentro, mas floresce aqui fora, filha. Vamos regar?

E assim tem sido nossa intensa “rotina” cheia desse perfume de flor. 
Parabéns filha. Do seu pai que te ama mais do que a ele mesmo.
PS: Não tem como mais imaginar a vida sem você...

0 Comentários - AQUI:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentem pelo Facebook

Paninho do AMOR

Click e Confiram D+

Segue ai...

Curta no Facebook

Amigos do Blog

Postagens populares

Twittes

Google+ Followers

Blog que escrevo

Pesquisar este blog

Siga-me por Email

Marcadores

@provérbios (27) #pronto falei (304) #Provocações (283) #Word (55) Administração (58) Amor (298) Arte (270) Atitude (561) Bíblia (99) Boas notícias (118) Contra Cultura (165) cristianismo inteligente (546) Curiosidade (106) Dicas (49) Estudo (83) Familia (76) Fundamentos (313) GRAÇA (140) humor (87) Igreja (144) imagem que vale post (33) Juventude (61) Livros (17) Masculinidade (42) Missão integral (103) modelos (171) Nooma (8) Opinião (313) Oração (38) Polêmica (94) Politica (53) Protesto (138) Questionamentos (492) Recomendo (131) Relacionamento (287) relevante (335) Religião (69) Solidariedade (58) Teologia (169) Videos (386)

Blog Arquivos

Minha lista de blogs

Juliano Fabricio Ferreira. Tecnologia do Blogger.

Visão Mundial - Conheça

Visitantes

Contato:

Juliano Fabricio Ferreira

jucafe2@yahoo.com.br

Uberlândia - MG - 34 99149-5443

Networkedblogs - Siga

Recomendações