Jesus Cristo, em quem habita a plenitude da divindade, não pode ser colocado em uma caixa, domesticado, definido, sepultado ou desenterrado.

Ele não é plausível ou compreensível, não pode ser explicado, elucidado, reduzido à polêmica, colocado dentro ou além da criação, libertado ou aprisionado, trancafiado em nossas casas ou em nossos templos.

Jesus está além da linguagem, da sedução, da aclamação, da invocação, do uso ou mau uso. Ele está além do nosso desejo incontrolável ou da nossa inercia, da nossa esperança ou desesperança, da nossa retidão ou maldade. 

Ele não poder ser encurralado por palavras mansas, persuasões gentis ou subornos. Muito menos pode ser reduzido a um brinquedo, a um pássaro que canta em uma gaiola para a diversão das crianças.

A história cristã dá pleno testemunho de que inventamos um Deus que se parece conosco: 

Ele é a imagem refletida, como um espelho, de nosso apetite, fanatismo, lucro financeiro, força política, linguagem sanguínea, nacionalidade, ou qualquer que seja a nossa paixão naquele momento. E nós adoramos esse deus de fabricação humana, um deus que não existe. Entretanto, o deus cujo humor alterna entre a graciosidade e a ira, o deus que é terno quando somos bons e implacavelmente punitivo quando somos maus, o deus que exige a última gota de sangue de seu filho para que a sua justa ira evocada pelo pecado possa ser aplacada, não é o DEUS revelado por Jesus Cristo e em Jesus Cristo. E, se ele não é o DEUS de Jesus, ele simplesmente não existe.

Essas distorções e caricaturas de DEUS que entulham a paisagem cristã de nossos dias.
 
E tudo isso é resultado do trabalho de vendedores de sucesso que posam de líderes espirituais.

Tais aberrações, porém, também nos tornam profundamente gratos pelas igrejas que de maneira firme e imediata identificam Jesus como o Cristo, o Filho de DEUS vivo, recusando a ser contaminadas pelas manias e fantasias de corretores do poder, liberais lunáticos, extremistas de direita e por ai vai. 

Juliano Fabricio 
Tentando ser contado entre os que não se contaminam

0 Comentários - AQUI:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentem pelo Facebook

Paninho do AMOR

Click e Confiram D+

Segue ai...

Curta no Facebook

Amigos do Blog

Postagens populares

Twittes

Google+ Followers

Blog que escrevo

Pesquisar este blog

Siga-me por Email

Marcadores

@provérbios (27) #pronto falei (304) #Provocações (283) #Word (55) Administração (58) Amor (296) Arte (270) Atitude (561) Bíblia (99) Boas notícias (118) Contra Cultura (165) cristianismo inteligente (546) Curiosidade (106) Dicas (49) Estudo (83) Familia (74) Fundamentos (313) GRAÇA (140) humor (87) Igreja (144) imagem que vale post (33) Juventude (61) Livros (17) Masculinidade (41) Missão integral (103) modelos (171) Nooma (8) Opinião (313) Oração (38) Polêmica (94) Politica (53) Protesto (138) Questionamentos (492) Recomendo (131) Relacionamento (285) relevante (335) Religião (69) Solidariedade (58) Teologia (169) Videos (386)

Blog Arquivos

Minha lista de blogs

Juliano Fabricio Ferreira. Tecnologia do Blogger.

Visão Mundial - Conheça

Visitantes

Contato:

Juliano Fabricio Ferreira

jucafe2@yahoo.com.br

Uberlândia - MG - 34 99149-5443

Networkedblogs - Siga

Recomendações